sexta-feira, 21 de março de 2014

Roteiro de Motorhome na Europa - 15 dias Mochilão motorizado

Falar de um roteiro na Europa, é quase como falar em um roteiro a pé por São Paulo. Por mais abrangente que esse seja, vai ser muito difícil cobrir tudo. Então minha ideia aqui é contar um pouco do roteiro que eu fiz, e o que eu gostei e o que eu faria diferente. 
Vamos lá.



Dia 1- Amsterdam-Almere – Antuérpia
Pegamos o carro em Almere munícipio próximo de Amsterdam.
Consideraria um pé esquerdo para começar, tudo errado na agência de aluguel. Atendimento ruim, carro com para-brisa quebrado e atraso grande na entrega, que era com hora marcada. 
Pé na estrada para Antuérpia na Bélgica. Escolha acertada, viagem curta e pouco tempo de estrada para começar a se acostumar com o carro.
Chegamos em Antuérpia tarde quase não conseguimos estacionar em camping. Por sorte o cara que cuidava do camping abriu o lugar depois do horário, e conseguimos ficar.
Camping muito ruim, não tinha nem banheiro, só tinha um gramadão e eletricidade.


Dia 2- Antuérpia – Bruxelas.
Passeio pelo centro de Antuérpia. Depois de andar um pouco perdido pela cidade, achamos o centrinho. Uma cidadezinha gostosa. Vale a pena comer os chocolates belgas e os waffles.
Meio dia foi o suficiente para conhecer Antuérpia. Apesar de possível gastar um pouco mais de tempo ali, não tinha o porque.
Chegamos em Bruxelas cedo conseguimos um lugar em um camping nota 10 o Grimbergen esse eu recomendo!
Bruxelas, vale a pena pelo centrinho, a Grand Place é muito bonita e os arredores é bem turístico.
Aproveitamos também para ir no Atomium. Monumento famoso da cidade de Bruxelas. 

Atomium



Dia 3 – Bruxelas – Luxemburgo – Estrasburgo
Cruzamos por Luxemburgo, sem nem parar direito, as recomendações locais foram: Não vale a pena. Uma cidade bem cara, e sem nada muito interessante.
Como o objetivo da viagem também era a jornada, gostei de cruzar pela cidade de dia e ver a paisagem, com alguns castelos bonitos bem no centro.
Depois do rápido sightseeing em Luxemburgo seguimos para Estrasburgo na França.
Em Estrasburgo, paramos em um camping bem cheio e porco. O La Montagne Verte,  não recomendo.
Mas se realmente quiser conhecer Estrasburgo, acredito que essa é a única opção de camping, e é perto do Centro.

Dia 4 Estrasburgo- Friedrichshafen(Alemanha)

Estrasburgo é uma cidade até que bonitinha, mas sinceramente nada “wow”, rodamos pelo centro e não tivemos sorte nem com atendimento, nem com nada que realmente impressionasse no lugar. Não voltaria.
Partimos para Friedrichshafen na Alemanha, por indicação local. E a história mudou principalmente em relação a qualidade dos campings na Alemanha, outro padrão.  Friedrichshafen impressionou positivamente e até ganhou o privilégio de duas noites.


Dia 5 Friedrichshafen

A oferta de campings por lá é grande, e acredito que todos devem ter um padrão legal. Mas ficamos nesse e gostamos. http://www.cap-rotach.de/
Dia 6 Friedrichshafen – Fussen

Saímos de Friedrichshafen em direção a Fussen, que é também a rota para Munique.
Em Fussen conhecemos o castelo do Rei Louco ou da Cinderela- Castelo de Neuschwanstein vs Castelo da Disney
Ficamos na região do castelo e paramos em um camping no lugar mais bonito de toda a viagem o Alpsee.



Dia 7 Fussen – Munique

Seguimos viagem para Munique, com tranquilidade.
Com uma parada no TurnCable no caminho, em Thannhausen.

Curtimos uma sessão irada de wakeboard em um dos cables mais emblemáticos do mundo.
Chegando em Munique e de cara gostamos bastante da vibe de Munique, vários músicos na rua, o centrinho é bem vibrante com várias lojinhas e muitos turistas. Há mercados de rua, parques, bier gardens(bares de cerveja ao ar livre) e até surf no rio. Aproveitamos um belo dia na cidade.

Dia 8 Munique

Gostei tanto de Munique que a única coisa que até pensaria duas vezes seria em ficar mais tempo na cidade.
Ficamos no camping Thalkrichen
Apesar de bem cheio era bem ok. E com acesso fácil para a cidade com transporte público.

Dia 9 Munique- Berlim

Essa foi a perna mais puxada da viagem, rodamos 600 km direto. Tudo para aproveitar mais tempo em Berlim. Hoje pensaria duas vezes antes fazer direto.
Como nossas opções de parada no meio do caminho estavam um pouco restritas, preferimos seguir direto na Alemanha ao invés de desviar para a República Checa, e conhecer Praga.
Optamos por rodar direto na Alemanha e já estávamos um pouco cansados de conhecer centrinhos de cidades europeias, que no fim das contas, mesmo com suas particularidades, acabam sendo bem parecidos.

Dia 10 – Berlim

Apesar de conseguirmos um camping legal, e com acesso fácil a transporte público, optamos por uma hospedagem mais central para conseguirmos curtir melhor a cidade, e pegamos um hotel.
O camping que ficamos era em Gatow/Kladow.
Sincero, foi ótimo para renovar os ares, e dormir e viver em outro lugar que não o motorhome.


Dia 11 – Berlim

Dia 12 – Berlim – Hannover

Hannover foi uma parada estratégica para uma ótima session de wakeboard.
Na Alemanha que o sistema de cabos para a prática de wakeboard foi inventado, e há no país em torno de 80 parques para a prática do esporte.  Um deleite a qualquer wakeboarder!
O role foi no Blauer See, além de um ótimo Cable, com vários obstáculos legais, o camping ainda por cima era porta a porta com o pico do Wake.
Mais perfeito impossível, estacionamos o motorhome na beira do lago do Wake.

Vista do Camping

Dia 13 Hannover- Munster

Munster foi uma dica local que conseguimos. E valeu muito a pena!
A cidade é conhecida como a capital da bike na Alemanha.
O centrinho é super aconchegante com ruazinhas para pedestres e lojinhas diferentes.
Além disso o camping era na frente de uma piscina pública muito legal. Enorme e com diversas cadeiras para tomar sol em um lugar muito arborizado. Foi show!



Dia 14 Munster-Amsterdam

Apesar do roteiro ter sido programado para 15 dias, acabamos acelerando a viagem para curtir mais um dia em Amsterdam.
Mesmo já tendo ficado 2 dias lá antes de pegar o motorhome, a vontade era de quero mais.
Amsterdam ficou guardada com muito carinho. E com certeza voltaria para a cidade. Foi uma das nossa preferidas.


Dia 15 Amsterdam








2 comentários:

  1. Bom dia, qual operador de Motorhome viocê usou?

    ResponderExcluir
  2. Olá, usamos a http://www.mcrent.eu/ mas não aconselho muito não, tivemos bastante dor de cabeça para pegar o carro perto de Amsterdam...
    Segue o que rolou nesse post:
    http://www.comiperninhadecachorro.com/2013/11/motorhome-na-europa-dessa-vez-o.html

    ResponderExcluir

Zen e Caos- Viagem pela Tailândia

Postagens populares