sexta-feira, 7 de março de 2014

Perdido em Berlim? Por onde começar.

#Berlim

East Side Gallery e Friedrichshain, onde ir em Berlim.

Berlim é aquela cidade que é tão cidade que até assusta.


Nada de cidadezinha de interior acolhedora, a cara é mais parecida com São Paulo: Selva de pedra!
Assusta porque é grande, tem muita história, um pouco de tudo e é até difícil saber por onde começar.

Eu tenho a sensação que Berlim é aquela cidade que mesmo antes de conhecer você acha que já conhece. Tem tanta informação que quando eu cheguei em Berlim eu já esperava algo, esperava a arte urbana o underground, o muro. 
Berlim é tão icônica, a ponto de você fazer a imagem total na sua cabeça mesmo antes de conhecer.
Porém viajar é ir atrás do desconhecido, e achar que conhece nem sempre é bom. Prefiro mil vezes ter expectativa ZERO e adorar, do que esperar muito e me decepcionar.
Não me decepcionei com Berlim, mas rodei a cidade em busca do que eu esperava.
Berlim diferente do resto da Alemanha, você pode ter dificuldades com o inglês.
Rodamos por pelo menos 7 cidades alemãs nessa viagem, em nenhuma delas tivemos problemas de comunicação com o inglês. Mas em Berlim... a história foi diferente, na chegada para comprar o bilhete do metrô já foi difícil se fazer entender.
Diversas linhas de metrô e muita gente estranha. É digamos que a cidade não é totalmente acolhedora.
Senti na pele, brincando, fazendo careta com uma menininha linda, alemã loirinha de uns 5,6 anos no metrô, aquela coisa brincadeira com criança. Quando ela saiu do metrô esperava um tchauzinho, ela saiu, me olhou pela janela e mandou o dedo do meio.
 
Esse não era a menininha do metrô, mas podia ser. 

Acho que essa cena descreve Berlim.
Berlim é pobre mas é sexy.
Esse é o mote da cidade.
E por onde começar para sentir Berlim na pele?
Eu começaria pela East Side Gallery.




A parte mais famosa do muro que ainda está de pé. Toda grafitada espontaneamente por artistas de rua, East Side Gallery é o primeiro respiro de arte urbana que eu recomendaria a qualquer um indo a Berlim.
Depois aproveite a proximidade e já entre no ritmo da cidade com um passeio por Friedrichshain, o bairro a poucos quarteirões da East Side Gallery é cheio de lojinhas alternativas e independentes, além de diversos restaurantes e bares. 
Com certeza vale o passeio.
Quer mais dicas sobre o bairro o Simplesmente Berlim detalhou melhor o Friedrichshain aqui.








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Zen e Caos- Viagem pela Tailândia

Postagens populares