domingo, 4 de dezembro de 2011

Um Olhar de Miriti. O Artesanato Paraense




Tradicional das festas do Círio de Nazaré, de Belém do Pará, o artesanato em Miriti ganha força em feirinhas regionais e em pontos turísticos da cidade, dando a cara do artesanato Paraense.




O Miriti é extraído dos galhos do Buriti, palmeira típica da região, retirando apenas os galhos mais novos para esculpir artesanatos e brinquedos a atividade sustentável vira símbolo do artesanato regional.
Originárias de Abaetetuba, município a apenas uma hora e meia de Belém, as peças esculpidas nessa madeira leve que se parece um isopor tinham destino único: a festa do Círio de Nazaré. Em peças de promesseiros e nos brinquedos para crianças o miriti sempre esteve presente. 
A arte em miriti foi se diversificando e virou até caixa comemorativa do CD dos Mestres da Guitarrada, banda tradicional paraense que mescla ritmos caribenhos que chegavam no estado por radios piratas originando ritmos locais como a guitarrada e a lambada.

Com a organização de ONGS como a Miritong e a Associação dos Artesãos de Miriti de Abaetetuba , as peças coloridas de Miriti ganharam as ruas da capital do estado e agora está presente todo ano, não só nas festas comemorativas do Círio de Nazaré.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Zen e Caos- Viagem pela Tailândia

Postagens populares